segunda-feira, outubro 17

Mudanças na legislação não devem valer para eleições de 2012, Que pena para nós senadorsaenses.

Posted by Jackson Souza on 15:43 | No comments
O presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado, Eunício Oliveira, afirma "tudo está sendo feito para 2014".

    A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado analisa propostas da reforma política e já aprovou o fim das coligações para eleições proporcionais. Mas as mudanças na legislação não devem ser aplicadas nas eleições de 2012, acredita o presidente da CCJ, senador Eunício Oliveira.
   A exemplo do imbróglio da Lei da Ficha Limpa, de muitas idas e vindas no Supremo Tribunal Federal (STF), dúvida para o próximo pleito eleitoral, outras alterações reivindicadas não devem sair do papel a tempo de terem validade em 7 de outubro de 2012.
"Eu não vejo como essa lei ser aplicada para as eleições de 2012, lamentavelmente. Tudo está sendo feito para eleições de 2014. Porque para 2012 não haverá tempo, vai ter muita discussão", reconheceu Eunício. O senador do PMDB defende a antecipação do tema para evitar processo de judicialização. "Eu prefiro que a gente antecipe um pouco para que não tenhamos dúvidas, mais uma vez, em relação à lei, e não fiquemos judicializando a lei eleitoral", defendeu
   Ouça a entrevista do presidente da CCJ, Eunício Oliveira, no Jornal Alerta Geral desta quarta-feira (12), com apresentação do jornalista Luzenor de Oliveira.

Fonte: Ceará Agora "Não fica pela metade"


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Atenção!
Ao comentar, escolha as palavras corretas para que seu comentário atinja seu objetivo, expor sua opinião sobre determinado assunto.
Os comentários passaram por moderação da redação e serão publicados, independente do seu conteúdo, caso o comentarista tenha uma identificação válida!
Obrigado por comentar!