terça-feira, julho 15

Sec. de Saúde de Senador Sá vem a público explicar ausencia de medicamentos de atenção básica, veja!

Posted by Jackson Souza on 08:26 | No comments



     Sec. de saúde de Senador Sá vem a público via rede social explicar a ausência de alguns medicamentos de atenção básica do município. Em suas palavras o mesmo explica que o problema é devido a tramites licitatorios que vem enfrentando a sec. de saúde do estado, a que 182 municipios compram juntos inumeros medicamentos afins de economizar sobre os mesmos e conseguir uma quantidade maior com isso. Como cita o senhor sec. executivo em sua nota, "...Desde o ano de 2013, esta secretária de saúde vem enfrentando problemas com licitações inacabadas por conta de recursos administrativos e/ou judiciais e por dificuldades de entrega de fornecedores por falta de matéria-prima.." e "...teve um grande avanço na aquisição de medicamentos da atenção básica, quando compactuou com 182 municípios a comprar centralizada. Isso representa um ganho de escala bastante significativo, fazendo com que possamos adquirir mais medicamentos com os mesmos recursos, tendo em alguns itens uma redução substancial de custo...". Veja as palavras do sec. de saúde de Senador Sá e a NOTA do sec. do executivo estadual abaixo:

     "Quando falta medicamento no município, o povo nao quer saber de quem é a culpa nao, a culpa sempre é do município, pois o cidadão procura no município em que mora, nao é mesmo? Mesmo assim, mostro aqui, que o municipio de senador sá e tantos outros estao sofrendo com a falta de medicamentos em virtude de "entraves licitatórios"....Nós pagamos ao estado rigorosamente para o estado realize a compra dos medicamentos.... ou seja, NAO É CULPA DO MUNICÍPIO.... SEGUE EXPLICAÇÃO DA SECRETARIA ESTADUAL DE SAUDE DO ESTADO DO CEARÁ..." Sec. de saúde Heber Ximenes 

NOTA:
Senhor Secretário
     Como é do conhecimento, o Estado do Ceará  teve um grande avanço na aquisição de medicamentos da atenção básica, quando compactuou com 182 municípios a comprar centralizada. Isso representa um ganho de escala bastante significativo, fazendo com que possamos adquirir mais medicamentos com os mesmos recursos, tendo em alguns itens uma redução substancial de custo. 
          Desde o ano de 2013, esta secretária de saúde vem enfrentando problemas com licitações inacabadas por conta de recursos administrativos e/ou judiciais e por dificuldades de entrega de fornecedores por falta de matéria-prima, estando-a assessoria jurídica ASJUR da SESA tomando as medidas legais cabíveis. 
          Diante disto comunicamos a V. Ex. que estamos enviando todos os esforços para que até o dia 09 de agosto de 2014, esteja regularizada a disponibilização de medicamentos da atenção básica, e assim podermos atender a população carente do Estado do Ceará. 
          Permanecendo ao inteiro dispor de V. Ex., renovamos os votos de elevado apreço e consideração.

Atenciosamente:
ACILON GONCALVES PINTO JUNIOR 
Sec. executivo 
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Atenção!
Ao comentar, escolha as palavras corretas para que seu comentário atinja seu objetivo, expor sua opinião sobre determinado assunto.
Os comentários passaram por moderação da redação e serão publicados, independente do seu conteúdo, caso o comentarista tenha uma identificação válida!
Obrigado por comentar!